O TATU-BOLA TEM BULA

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

CrôniCaRioca
Antes de tudo temos que dizer: escolher o tatu-bola para o mascote da Copa foi o máximo! Uma ideia feliz! Que boa lembrança, chamar a atenção para a necessária preservação da espécie ameaçada, e salvar o bichinho que se transforma literalmente em uma bola quando precisa se proteger… de ameaças.

Perfeito!

OHIM – Divulgação



Mas, como dizem por aí, alegria de pobre dura pouco: estragaram tudo com os apelidos que querem dar à figurinha simpática criada para simbolizar o evento de 2014. Só mesmo uma bula para explicar de onde saíram Amijubi, Fuleco e Zuzeco!


Sabiamente batizado à sua imagem e semelhança, o pobre do bicho será rebatizado com um desses nomes impossíveis! Vá lá, apelido é apelido e pode ser inventado… Mas, não foi uma invenção qualquer. Segundo as notícias tudo tem explicação, é ler para crer.

Sigam a bula que está na internet.

AMIJUBI
Amijubi é a união das palavras “amizade” e “júbilo”, duas características marcantes da personalidade do nosso mascote e que refletem a maneira de ser dos brasileiros. Além disso, esse nome tão original está ligado ao tupi guarani, em que a palavra “juba” quer dizer amarelo – a cor predominante no mascote!

Lanternas japonesas
Blog Prazer de Morar

Esse ficaria bom para uma bola japonesa, né? Amijubi-san. Amizade com júbilo? Pelo amor de Deus! Jubi é amarelo, quem sabe disso? Um Júbilo Amarelado? Triste… Amarela a CaramBola também é e nem por isso escolheram o nome – também perfeito, modéstia do Blog à parte – para a pelota!

O narrador japonês dirá ‘Amijubi-san entla no campo com Blazuca no mano, né?’
Socorro, Prof. Pasquale! Como se pronuncia isso? Amíjubi, Amijúbi ou Amijubí? Até lembrei de um caso que me contaram. Uma vez uma mulher teve trigêmeas. Batizou as meninas de Maria, Mária e Mariá. Prático, não? Nada a convenceu de que criaria uma confusão! Por falar em professor, ao Pasquale ou ao Prof. Sérgio Nogueira, uma pergunta: é tatu bola, tatubola ou tatu-bola?
FULECO
Fuleco é a mistura das palavras “futebol” e “ecologia”, dois componentes fundamentais da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. O nome do nosso mascote mostra como essas duas palavras combinam perfeitamente e ainda incentivam as pessoas a ter mais cuidado com o meio ambiente.

Tatu-bola – globoesporte.com

Ora, pipocas, com futebol + ecologia deveria ser futeco. Bom, ia parecer futuca… Mas, se tatu futuca o chão, por que não? E se tatu é bicho cavador, quem sabe inspira os jogadores a cavarem muitos gols? Tomara que não seja um time fuleiro.
De qualquer jeito, acho que esse vai ganhar, igualzinho a eleição que só tem candidatos ruins. Acaba que a gente escolhe o “meno male” porque pior é anular o voto…

ZUZECO
Zuzeco foi formado dos elementos principais de “azul” e “ecologia”. Azul é a cor dos mares da maravilhosa costa brasileira, dos rios que cruzam o país e do nosso lindo céu. E é também, claro, a cor da carapaça especial do mascote. Ele sabe que pertence a uma espécie vulnerável e por isso, também sabe o quanto é importante divulgar e incentivar a conscientização ecológica entre seus amigos do mundo inteiro.

Portal do Professor

Os criativos marqueteiros vão me desculpar, mas ‘zuz’ não lembra azul de jeito nenhum! Está mais para SUS, essa coisa brasileira que não funciona e mata. Ou um zumbido. De abelha, porque tatu não zumbe. Aliás, não sei que som faz o tatu. No Houaiss não tem. Nem o Google, que tudo resolve, sabe o que faz o tatu. Parece que é mudo. Se for, não faz mal. A torcida brasileira gritará pelo tatu-bola: GOOOOOOL!
Zuzeco… Não bastou o nome da bola nada a ver? Ah! Já sei, é para combinar com o horrível Brazuca: os dois têm Z de Brazil. O narrador argentino dirá ‘Ssasuca adentra el campo de fútbol con la Brassuca en las manos!
Blog Aquimero

Muito curiosa essa preocupação em pôr o ‘eco’ da Ecologia no nome do tatu, enquanto derrubam o Maracanã e constroem milhões de estádios por aí. Haja compensação ecológica!
Por falar em nomes, está lá no BOLO DE FUTEBOL: como foi dito, o Blog sugeriu Carambola para o nome da bola e é claro que não deu em nada. Nem outra sugestão para o nome do tatu-bola será aceita.


Bem, não custa tentar…

Que apelido o querido leitor daria para o tatu-bola mascote da Copa? Com que justificativa, que não seja um nome hermético que precise de bula, ok?
Se os leitores do Blog se animarem a mandar sugestões, as respostas serão transformadas na CrôniCaRioca da próxima semana!

E se eles não quiserem nossas ideias, paciência, tá tudo bem… Ôpa! Olha aí a primeira sugestão: TATU-DO-BEM! Que tal?

Escrevam! O Urbe CaRioca espera!

  1. Pois é! essa gente tem mania de querer tirar a autenti-cidade de tudo. Por que não Tatu mesmo? A rima é só no Brasil.
    Mas, esse povinho, guiado por esses agentes do mal da administração publica querem porque querem tirar nossa identidade cultural.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *