HOTEL, RESERVA, APA: O Pacote e Os Predadores do Rio

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

“E nesses dois locais específicos você dá , sim , alguma coisa para o privado, mas cobra de volta dele aquilo que deixa de investir de dinheiro público.”

Por isso, o meu encaminhamento, Sras. e Srs. Vereadores,
é pela aprovação do projeto,”

Vereador Guaraná, 18/12/2012 – Votação do PLC 113/2012


Ora, Srs. Parlamentares, não precisa nem 

ser alfabetizado para saber que campo de 

golfe não é vida silvestre.

Vereadora Sonia Rabello, 18/12/2012 – Votação do PLC 113/2012

Câmara Municipal do Rio de Janeiro – Plenário 18/12/2012 – Data da aprovação, em 1ª Discussão, do pernicioso Pacote Olímpico 2.



Como este Blog informou ontem, uma parte do Pacote Olímpico 2 foi aprovada em Primeira Discussão, pelos vereadores desta
Mui Leal e Heróica Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro.
PLC 113/2012 .


A Cidade lhes é leal. E os edis*, serão leais a ela? No painel podemos ver que 8 vereadores, se não heróis, caso tenham sido verdadeiros foram verdadeiramente determinados e leais ao carioca. Disseram NÃO à predação.

Certamente o Pacote será aprovado hoje em Segunda Discussão. Os beneficiados já podem colocar a champagnepara gelar.

Aos demais cariocas restam a desinformação, a inocência, a credulidade, o sonho falso de um legado olímpico alardeado e não explicado, as dificuldades de uma Cidade Maravilhosa que às vezes fica menos Maravilhosa, e o Metrô lotado.

Divirtam-se ou chorem com o vídeo tragicômico, e vamos em frente porque teremos pelo menos mais 4 anos de predações anunciadas.

Urbe CaRioca 
“EU QUERIA FAZER UM HOTEL NA RESERVA”

Rafucko Tube


NOTA

Finalmente o Jornal O Globo publicou matériaa respeito, hoje, às vésperas do Natal, época escolhida para a votação propositadamente, por óbvio. Tarde demais. Não há mais tempo para que a sociedade analise, entenda, e possa se manifestar a respeito de assunto tão complexo que afeta a vida de todos, embora quase ninguém o saiba: as leis urbanísticas da nossa cidade. 



Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Plenário, 18/12/2012 – Dia da aprovação, em 1ª Discussão, do pernicioso Pacote Olímpico 2.
PAINEL DE VOTAÇÃO


***

*Edil – Dicionário Houaiss
Substantivo masculino
1     na antiga Roma, funcionário ou magistrado cuja função era observar e garantir o bom estado e funcionamento de edifícios e outras obras e serviços públicos ou de interesse comum, como ruas e o tráfego, abastecimento de gêneros e de água, condições de culto e prática religiosa etc.; nas municipalidades do Império Romano, funcionário administrativo regular, de segundo escalão
2     m.q. vereador
3     Regionalismo: Nordeste do Brasil. Diacronismo: obsoleto.
m.q. prefeito (‘chefe do poder executivo’)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *