ÁGORA, GOLFE, OUTRAS SURPRESAS DESAGRADÁVEIS – PARTE 2

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Atualização em 06/11/2014:
Pedimos desconsiderar o parágrafo do texto abaixo destacado com a cor amarelo, pois a afirmação foi um equívoco por parte do blog, já explicado em

o que, no entanto, não invalida a estranhíssima enxurrada de votos negativos recebidos, o que não ocorreu com nenhuma outra das 378 propostas apresentadas ao Desafio Ágora.

Urbe CaRioca

_________________________

Ontem publicamos O DESAFIO ÁGORA, O GOLFE, E MUITAS SURPRESAS DESAGRADÁVEIS com relato sobre a proposta deste blog ao projeto da Prefeitura do Município Rio de Janeiro denominado Desafio Ágora, e nosso estranhamento diante da mobilização que levou a ideia ‘PRESERVAR O PARQUE ECOLÓGICO MUNICIPAL MARAPENDI ÍNTEGRO’ – sugestão que teve repercussão e ótima receptividade – a receber cerca de 45 votos negativos em período de duas horas na noite de quinta-feira, dia 23/10. Esclarecemos que tais atos não foram atribuídos, por nós, de modo algum a hacking ou robôs, mas, à mobilização por parte de quem tem interesses diversos na construção do Campo de Golfe, e não havia se manifestado durante 1 mês, conforme explicado.




No entanto, outros aspectos devem ser divulgados, em respeito aos defensores da cidade que têm apoiado a proposta de boa-fé:


·       Nenhuma ideia entre 370, por mais absurda ou inviável que fosse, recebeu tantos votos negativos. O carioca não perderia tempo precioso apenas para desmerecer sugestões de outras pessoas, atitude sem cabimento nem razão;

·       Não fossem os votos negativos, a ideia ‘PRESERVARO PARQUE ECOLÓGICO MUNICIPAL MARAPENDI ÍNTEGRO’ seria a segunda mais votada na fase Discussão, que termina amanhã;

·       A ideia que está em primeiro lugar foi apresentada é interessante e tem expressiva votação. Também ligada às questões ambientais, sugere a instalação de cestos ecológicos nos bueiros da cidade, sugestão apresentada na conferência Rio-92, ora retomada;

·       Ao receber os primeiros votos negativos, verificamos que 1 voto negativo retirava 2 votos positivos ganhos. Isto é, com 5 votos negativos a pontuação diminuiu em 10 votos; após divulgarmos esse mecanismo, nas redes sociais, o sistema passou a anular 1 voto positivo para 1 negativo e assim se manteve;

·       Além da pontuação na ideia existe a aprovação do proponente, chamado de “contribuidor”, que cresce através de outros mecanismos, tais como ‘comentários’, ‘número de seguidores’ e ‘votos em comentários’, negativos ou positivos, ações que não necessariamente correspondem à essência da ideia e podem ser alheias a essa; os pontos são facilmente obtidos, conforme a capacidade de mobilização nas redes, do interessado;

·       O “contribuidor” mais ‘pontuado’ não necessariamente é o autor da ideia mais votada; NÃO SABEMOS para que serve ser o contribuidor com mais pontos;

·       Além de tratar-se de um site extremamente confuso, de difícil entendimento até para quem está habituado a navegar na web, há cerca de uma semana, a página de cada ideia, em vez de dar acesso direto ao campo para votar, em Proposição, passou a ser direcionada para a Segunda Fase, de Discussão, com a figura de um cadeado no lugar da votação e a informação de que não era mais possível votar porque a fase estava encerrada, uma incoerência com o dado indicado mais acima informando quantos dias faltavam para o encerramento da citada Primeira Fase. Várias pessoas desistiram de votar. Anteriormente a ‘janela’ abria diretamente na Primeira Fase, em curso até amanhã: a fase de Proposição.


Por outro lado, a enorme pontuação do Principal Contribuidor – mesmo que suas ‘ideias’ não fossem as mais votadas – intrigou um leitor do blog e apoiador da causa que defende o Parque Ecológico Marapendi. O participante atento verificou que para cada ponto negativo atribuído ao Principal Contribuidor, automaticamente 1(um) ponto positivo era computado. Não sabemos qual o propósito a atingir.

A estranheza foi divulgada nas redes sociais através de vídeos (links abaixo) e pouco tempo após, o sistema mudou novamente, cancelada a pontuação automática positiva detectada.


                            
TESTE 1

VOTAÇÃO EM COMENTÁRIO FEITO NA PROPOSTA QUE ESTÁ EM PRIMEIRO LUGAR – 23/10/204

                            
TESTE 2

VOTAÇÃO EM COMENTÁRIO FEITO NA PROPOSTA DO BLOG URBE CARIOCA: PRESERVAR O PARQUE ECOLÓGICO MARAPENDI ÍNTEGRO – 23/10/2014


Por que o Projeto Ágora – quase um game, portanto – pretende buscar os tão alardeados “legados” do JO 2016, a participação do Blog Urbe CaRioca teve por objetivo dar mais visibilidade ao caso do Campo de Golfe que está devastando uma reserva ambiental no Rio de Janeiro, pois o verdadeiro legado para a Cidade do Rio de Janeiro será manter o Parque Ecológico conforme planejado há décadas, sem retirar dele uma parte significativa.

Todo o exposto afeta a credibilidade do Projeto que poderá ou não escolher as melhores ideias para o Rio, na medida em que a mobilização dos interessados seja maior ou menor.

Todo o exposto é também menor, diante da urgência em PRESERVAR O PARQUE ECOLÓGICO MUNICIPAL MARAPENDI ÍNTEGRO.

Mais uma vez agradecemos pelo esforço e participação de todos neste estranho processo que exigiu dedicação e paciência para votar através de um sistema confuso que afugenta o mais paciente carioca.

 

Andréa Redondo / Blog Urbe CaRioca

 

NOTA: Os organizadores entraram em contato com o blog e esclareceram que não apenas as ideias mais votadas, mas, todas passarão à Segunda Fase (Discussão).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *