O ÁGORA, O PARQUE MARAPENDI, O GOLFE, E O MONÓLOGO DO PREFEITO DO RIO DE JANEIRO

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Conforme divulgado nos últimos dois meses o Desafio Ágora da Prefeitura consistiu em convidar a população para dar ideias à administração municipal sobre legados para a cidade fruto dos Jogos Olímpicos e outras sugestões para melhorar o Rio de Janeiro.
Dividido nas várias fases Proposição, Discussão, Avaliação Cidadã, Documento, Análise da Prefeitura, e “Hangout”, a proposta deste blog – PRESERVAR O PARQUE MUNICIPAL ECOLÓGICO MARAPENDI ÍNTEGRO – passou à quarta etapa sendo a MAIS COMENTADA e SEGUNDA IDEIA MAIS VOTADA entre 358 sugestões enviadas pelos cariocas. Os antecedentes e os percalços da trajetória estão explicados em muitos posts no Urbe CaRioca, bem como foram divulgados nas redes sociais pelos apoiadores da proposta, em especial arquitetos, urbanistas, advogados, biólogos, ambientalistas, e grupos que se mobilizaram em defesa do Parque, em especial o Grupo Rio Antigo, o NIMA-Jur e o Movimento Social Golfe para Quem?.
Hoje, às 20h, acontecerá o Hangout via internet.
Ao contrário do que esperávamos, não se tratará de um diálogo ou debate ao vivo, durante o qual o chefe do Executivo responderia a perguntas dos participantes do Ágora e dos cariocas em geral. Apenas Prefeito e o coordenador do projeto falarão. Nem ao menos responderão a perguntas feitas por escrito. O Prefeito comentará as 25 propostas finalistas compiladas no Relatório Final, baseando-se nas informações deste.
É pena.
Quanto ao Parque Marapendi eliminado para a construção do campo, entretanto, não fará diferença. Sendo o monólogo que se anuncia ou mesmo caso o Sr. Prefeito respondesse a perguntas, sabe-se que virá o conhecido conjunto de falácias ouvidas há mais de dois anos em relação ao esporte que retornou aos JO depois de 1 século: “será ótimo; preservará o Meio Ambiente, fauna e flora; a área estava degradada; recuperamos a área; o Rio precisa de um campo de golfe; não gastamos dinheiro público; houve compensações; o campo será público, etc. etc.”, tudo justificado pelos bem conhecidos sofismas que defendem o indefensável e o injustificável.
Internet
Segundo esclareceram os organizadores a transmissão deve estender-se por cerca de 1h30min porque são muitas propostas – 25 e, se cada uma fosse aberta para perguntas o tempo dobraria: “A ideia da compilação do documento colaborativamente com os usuários é exatamente que eles se sintam 100% confortáveis com o texto que foi entregue ao prefeito!”.



E você, leitor, o que acha?

Caso tenha interesse em acompanhar O Monólogo do Prefeito o site é:

Caso prefira se divertir, reveja o vídeo abaixo em:

Caso tenha dúvidas quanto à preservação da área e que a obra do campo tenha devastado quase tudo o que estava intacto, reveja o segundo vídeo – Campo de Golfe Jogos Olímpicos 2016 devastação Maracanã e Pão de Açúcar set 2014

Urbe CaRioca



Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *