Sabem onde fica a Floresta de Camboatá?

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Em Deodoro, bairro da Zona Oeste, Cidade do Rio de Janeiro. Prefeito, Governador e Presidente querem destruir a Floresta para construir um Autódromo novo, no lugar do Autódromo do Rio que foi destruído por Prefeito, Governador e Presidente anteriores, “pra Olimpíada”.

Haverá lugar onde se rasgue mais dinheiro público impunemente? Haverá cidade carente de tantas medidas obviamente prioritárias, enquanto gestores públicos usam do poder discricionário para definir prioridades questionáveis?

O Rio não precisa de um Autódromo. Ou o então existente não teria sido demolido há poucos anos. A não ser que, esgotadas as obras faraônicas realizadas “pra Copa” e “pra Olimpíada”, seja hora de inventar novos sorvedouros de recursos públicos.  Pois já se sabe que a maioria das Parceria Público-Privadas o demanda.

Leia mais:

A saga do novo autódromo continua (Urbe CaRioca)

Pela preservação da Floresta do Camboatá  (Urbe CaRioca)

A ameaça de um novo autódromo continua (Urbe Carioca)

Hoje o Rio está carente de tudo, menos de um Autódromo (Urbe CaRioca)

Prefeitura fará concessão de autódromo em Deodoro (O Globo)

Blog da professora de Direito Sonia Rabello

O tal “Autódromo” de Deodoro terá sim dinheiro público !

Brumadinho e a proposta de construção de um novo Autódromo do Rio na Floresta de Camboatá

Inauguração de autódromo em Deodoro?

Ignorância Estadual em Deodoro? Impossível

O Autódromo de Deodoro e a destruição da Mata Atlântica

Autódromo na Mata Atlântica em Deodoro?

Pela preservação do Morro da Estação, em Deodoro

O futuro Autódromo de Deodoro

Mapas do Autódromo de Deodoro

Projeto de construção do Autódromo de Deodoro

SOS Autódromo do Rio

Meio ambiente ameaçado em Jacarepaguá

Pela manutenção do Autódromo de Jacarepaguá

Como assim não sabiam? Autódromo “rides again”

Autódromo na Mata Atlântica de Deodoro ?

Autódromo de Deodoro: uma escolha de Sofia ?

Parque Olímpico ou um contra-legado ambiental ?

“Parque Olímpico” e os edifícios na beira da Lagoa de Jacarepaguá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *