Novo mirante no Jardim Botânico do Rio é aberto ao público

(Foto: Diego Gonzaga/Divulgação)

Uma das paisagens mais exuberantes do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, o novo mirante do cactário – área dedicada ao cultivo e exposição de cactos e suculentas – foi aberto à visitação pública neste sábado (5/6), Dia do Meio Ambiente. O local, ponto de observação localizado ao alto da coleção de cactos e suculentas, é uma das principais atrações de visitação do JBRJ. A área ganhou uma nova estrutura metálica, além de a laje ter sido revestida por madeira, aliando resistência e toque rústico, inerente ao ambiente.

Instalado em uma área de 3 mil metros quadrados, o cactário atrai um grande número de visitantes devido às formas, resistência e texturas inusitadas que as plantas de ambientes áridos apresentam. O cactário é composto por estufas científicas e de exposição, pérgulas e canteiros, alguns deles organizados com temas de biomas brasileiros, como cerrado, caatinga e restinga.

Atualmente, a coleção abriga milhares de espécimes e mais de 400 espécies de cactos e outras plantas suculentas. Dentre estas, há 64 espécies ameaçadas de extinção, o que torna a coleção de grande importância para conservação ex situ (conservação da diversidade biológica fora do ambiente natural).

O mirante conecta o início da trilha da Mata Atlântica e o cactário. De lá, também é possível observar o Centro de Visitantes do JBRJ, edificação construída no século 16.

Devido às medidas de enfrentamento da pandemia da Covid-19, as visitas ao Jardim Botânico devem ser agendadas previamente pelo sistema agendamentovisita.jbrj.gov.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *