O retorno da Primavera

Quase dois anos depois de fechada por conta da pandemia, a Igreja Matriz Nossa Senhora do Desterro, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, reabre os seus projetos culturais e o Museu de Arte Sacra e Popular com a coletiva “O retorno da Primavera”, composta por obras de mais de 20 artistas da região feitas durante o período da pandemia, entre os quais o jornalista e escritor André Luis Mansur  com a sua diversificada e extensa produção literária.

O Museu, que foi restaurado em 2019, e teve sua primeira coletiva em 2016 (iniciando assim uma série de exposições e atividades artísticas paralelas) reabre no feriado do 12 de outubro, terça-feira, e no domingo, dia 17, com suas atividades de forma parcial e os cuidados sanitários necessários.

“O título O Retorno da Primavera vem para nos lembrar que sempre há vida e renascimento…a primavera nos lembra da retomada, do florescer e do início de um novo ciclo de vida e, como o Museu ficou fechado quase dois anos, praticamente reiniciamos todo o trabalho que já estava desenvolvido ali desde 2015”, afirma Padre Paulo Abreu, pároco da igreja e diretor do Museu.

Desde 2016, além do Museu, também teve início a conhecida Feira Regional dos Artesãos da Nossa Senhora do Desterro, projeto que acontece simultâneamente com o Museu e outras atividades artísticas, como música, literatura e teatro, proporcionando um dia completo de arte e cultura aberta e de graça para toda a Zona Oeste.

O jornalista e escritor André Luis Mansur  estará presente com a sua diversificada e extensa produção literária.

“O objetivo principal dos projetos artísticos é capacitar os artistas e inserí-los no mercado com mais segurança em seus trabalhos. Com o Museu, fazemos um trabalho de ´ensaio´ dos artistas, com o objetivo de prepará-los para exposições em Galerias aparentemente inacessíveis”, explica a Curadora do Museu e Coordenadora da Feira, Antônia Philippsen Boaventura, artista conhecida na região e em galerias Brasil afora. O evento vai contar também com a presença do escritor André Luis Mansur, morador de Campo Grande e autor de livros sobre a História da Zona Oeste.

O Evento acontece nos 12 e 17 de outubro, das 7h às 13h, entre as missas e seguindo todos os protocolos de segurança sanitária.

Endereço: Igreja Matriz Nossa Senhora do Desterro – Rua Amaral Costa nº 141 – Campo Grande

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.