MARINA DA GLÓRIA NO IAB: PALMAS PARA A PLATEIA

‘Em qualquer situação é obrigação da prefeitura, na qualidade de Poder Concedente, exigir  que o gestor da Marina da Glória  cuide das instalações corretamente’.
Parque do Flamengo – delimitação da área tombada
Imagem: página IPHAN
Na reunião promovida pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo – CAU e pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB, realizada ontem na sede deste, houve unanimidade entre os que se pronunciaram pelo menos em um aspecto. NINGUÉMfoi a favor do projeto de ocupação da Marina da Glória/Parque do Flamengo com um empreendimento comercial. NINGUÉM. =&2=&

MARINA DA GLÓRIA: HOJE, ‘ROAD-SHOW’ NO IAB

REUNIÃO COM EBX-REX, PREFEITO, IPHAN NACIONAL,  VEREADORES do RIO, e MÍDIA
Às 18h, discussão sobre As Formigas enquanto O Elefante caminha a passos largos.
Imagem: Estadão
Como foi explicado semana passada no post MARINA DA GLÓRIA, NOVOS CAPÍTULOS o road-show da empresa que pretende construir Shopping e Centro de Convenções na parte do Parque do Flamengo onde funciona a Marina da Glória prosseguirá hoje, dia 24, às 18h, com a apresentação pela EBX-REX e pelo arquiteto autor do projeto na sede do Instituto dos Arquitetos do Brasil-IAB, evento promovido pelo CAU/RJ e pelo IAB-RJ.

Repetimos à exaustão que a marina é um equipamento urbano público da Cidade do Rio de Janeiro, área non-edificandionde são admitidas apenas as construções previstas no plano dos anos 1960, características que o tombamento protegeu: localização, volumetria e usos. E que não precisaria haver debate porque Os Mistérios não Interessam.=&2=&

SEMANA 15/04/2013 a 19/04/2013: QG DA PM, MARINA DA GLÓRIA, BOSTON


 
“Foi um prazer caminhar por Newbury Street, Boylston Street, ambiente agradável, prédios bonitos, lojas lindas, mas nada para o meu bolso. Mesmo assim tentei comprar um chapéu que protegesse as orelhas de um ventinho cortante”.

Trecho de POR BOSTON

Newbury Street, Boston, USA
Imagem: The Boston Condo Loft

Publicações da semana que passou =&5=& =&6=&

MARINA DA GLÓRIA, NOVOS CAPÍTULOS


…presidente do Instituto Rio Patrimônio da Humanidade,
também presidente do Conselho Municipal de Proteção 
do Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro, informou que
 a proposta para a construção do
empreendimento comercial no Parque do Flamengo
entraria em pauta na reunião de Conselho hoje, 18/04/2013.
Em primeiro plano, o parque integrado visualmente à Praça Paris, o Monumento aos Mortos na II Guerra e a pista de aeromodelismo. À esquerda, o terreno da Marina da Glória com edificações de apoio às atividades náuticas. Ao Fundo, Praia do Flamengo, Baía de Guanabara,  Morro Cara de Cão, Pão de Açúcar e Morro da Urca e Morro da Babilônia.

À direita as construções dos bairros da Glória e Flamengo, com destaque para o prédio do Hotel Glória, inaugurado em 1922, hoje de propriedade da EBX. A imagem mostra com clareza a separação entre área urbana edificável – os bairros – e a área pública non-aedificandi, o Parque do Flamengo, bem de uso comum do povo.
É HOJE.

A SEMANA – 08/04/2013 a 12/04/2013: Artigo de L. F. Janot, Patrimônio Cultural, e as CrôniCaRioquinhas

“…cabe ao IPHAN opinar apenas se uma lei urbanística geral – zoneamento e índices urbanísticos de um bairro -, ao incidir sobre um bem tombado, na vizinhança deste, ou na sua área de influência, poderá causar interferências”.
Trecho de
PATRIMÔNIO DO RIO: DECISÕES ALÉM DA COMPETÊNCIA=&1=& =&2=& =&3=& =&3=& =&5=& =&6=& =&7=&

PATRIMÔNIO DO RIO: DECISÕES ALÉM DA COMPETÊNCIA

PARQUE DO FLAMENGO
Em pelo menos dois casos recentes que envolvem pareceres do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional–IPHAN, procedimentos administrativos que tratam do licenciamento de obras e intervenções em bem culturais tombados foram invertidos e resultaram em decisões altamente questionáveis. As consequências podem ser desastrosas para a Cidade do Rio de Janeiro. Foram eles:
1.    A construção de um Centro de Convenções e de Shopping com 50 lojas no trecho do Parque do Flamengo onde se situa a Marina da Glória, área projetada e executada no início dos anos 1960, e tombada em 1965 pelo órgão federal citado;
2.    A construção irregular de casas no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, espetacular patrimônio carioca criado em 1808 logo após a transferência da Corte Portuguesa para o Brasil pelo então Príncipe Regente, nosso futuro rei D. João VI, e tombado em 1938, também pela instância federal. =&2=&

O TRAMBOLHO DA ENSEADA: A CRÔNICARIOCA DA POITA

CRÔNICARIOCA*** =&1=&.



jb.com.br



Agora é a vez de Botafogo. Em frente ao Pão de Açúcar, espelho d’água tombado… O Rio de Janeiro não deveria pagar um preço tão alto pela sua beleza. A cobiça sem fim pela paisagem urbana – natural e construída – faz lembrar a história da Galinha dos Ovos de Ouro, aquela que acabou morrendo…


Anuncia-se uma boate flutuante, a Waterland Club, com water boys e water girls, que sejam felizes! Mas, música alta, de madrugada, em frente a áreas residenciais? Um trambolho horroroso maculando a nossa paisagem? Não, isso não deveria ser possível. Pena, em tempos de barbaridades urbano-cariocas uma atrás da outra, nada mais espanta…


As imagens falam por si. Estas são de matéria publicada no Jornal do Brasil em 07/03/2013, quando ainda não havia autorização para o funcionamento. 


Mas, parece que já houve. Ao menos de sábado para domingo o som rolou.



Fotos: Vítor Silva, Jornal do Brasil, 07/02/2013



Você sabe o que é a POITA?


Um leitor do Blog Urbe CaRioca reclama da instalação “deste Bordel Flutuante na nossa vizinhança”, e nos ensina:


[...] Leia mais

CRÔNICA DE UMA AUDIÊNCIA PÚBLICA ANUNCIADA: O “ROAD-SHOW” DA REX-MARINA


Para entender a paródia do Elefante e das Formigas,
ler Os Mistérios não Interessam e  =&1=&.

T-REX, O PREDADOR DO PARQUE DO FLAMENGO.
Na imagem não aparecem seus assistentes PREFEITU-REX e IPHAN-REX.
Imagem: Infoescola



Anteontem o Blog compareceu à‘audiência pública’ sobre a Marina da Glória, o que chamamos de Road-Show, para usar a linguagem empresarial sobre a venda de produtos, ou, simplesmente, ‘propaganda’. A Secretária de Urbanismo não compareceu, nem outros Secretários e componentes da mesa antes anunciados.


Segue um resumo em escrita livre e informal sobre a reunião, a apresentação do Elefante. As Formigas foram tratadas com preocupação e carinho. Apenas 3 pessoas questionaram o paquiderme, quer dizer, o uso. Já foi alguma coisa… Mas, não houve tempo para que outros pudessem falar…

A pressa impera. Rex quer começar a obra no segundo semestre. Mas, não pode, não apenas pela falta da licença: há uma ação judicial em curso e o concessionário está impedido de fazer qualquer coisa diversa de restaurar a situação original da Marina. O processo sumiu, o que não é contado no Road-ShowA busca pela concordância do IPHAN pode estar ligada à referida ação. Uma vez obtido, o espantoso ‘de acordo’ poderá ser o argumento usado no recurso, quando, quem sabe, o processo desaparecido então ressurgirá…


Bingo?


Uma pergunta: se o dono do Copacabana Palace, hotel irmão do Hotel Glória em idade e estilo, ambos construídos pela mesma empresa, desejar erguer um Centro de Convenções do outro lado da rua, isto é, nas areias de Copacabana, será possível? A localização é perfeita! Quem sabe o IPHAN aprovaria, pintado de três cores areia acima: bege, azul da cor do mar, e azul da cor do céu, mimetizando a construção na paisagem carioca?

No mais, vejamos aqui quanto será o faturamento do concessionário depois que construir o que quer no Parque Público, ou de outro felizardo caso venda o negócio imediatamente após a aprovação.
[...] Leia mais

MARINA DA GLÓRIA: ESTE PROJETO É IMPOSSÍVEL

O artigo abaixo foi publicado em 15/03/2013 no Portal Vitruvius de Arquitetura e Urbanismo. Hoje, daqui a pouco, acontecerá na Câmara de Vereadores a chamada Audiência Pública para apresentação do projeto. Na opinião deste blog, como já se sabe, não há  que debater. Mas, vamos aos Road-Show empresarial que tem o apoio da Prefeitura e o inexplicável de acordo do IPHAN (que não é mandatório, cabe lembrar). Em breve, notícias sobre a apresentação.[...] Leia mais

A SEMANA – 25/03/2013 A 29/03/2013 – Mais Marina, Trambolho na Lagoa, Semana Santa


Os que acompanham o blog sabem que nossa opinião é a de que não deveria haver debate porque não há o que debater, tratando-se de um projeto ilegal. Mas, esperamos que na reunião seja possível apresentar visões divergentes, e conhecer os argumentos dos que são a favor da construção de centro de convenções e shopping no Parque do Flamengo, os quais, certamente, poderão ser rebatidos um a um.

em MARINA DA GLÓRIA: AUDIÊNCIA PÚBLICA – 02/04/2013 =&1=& =&2=&
PAIXÃO DE CRISTO, CONGONHAS DO CAMPO – MESTRE ALEIJADINHO
Imagem: Itaú Cultural
=&3=& =&4=& =&5=& =&6=& =&7=& =&8=&=&8=&
Marina da Glória – Lona ‘provisória’ para eventos.
Foto: flickr
=&8=&=&8=& =&12=& =&13=& =&14=& =&13=& =&16=& =&17=&=&18=& =&19=& =&20=& =&21=& =&22=& =&23=&=&24=& =&12=& =&12=& =&27=& =&12=& =&29=& =&12=& =&31=& =&12=& =&33=&=&34=&
JORNAL O GLOBO

Componentes da mesa
Carlos Alberto Muniz – SMAC
Alexandre Pinto da Silva – SMO
Maria Madalena San Martin de Astacio – SMU
Carlos Roberto Osório – SMTR
Francis Bogossian – Clube de engenharia
José Conde Caldas – Ademi 
Sérgio Magalhães – IAB 
Empresa Imobiliária REX (Grupo EBX)
Maria Cristina Vereza Lodi – Iphan
Associação de Moradores: Flamengo, Catete e Glória



Quinta, 28/03/2013


Sexta, 29/03/2013

CrôniCaRioca





www.cupomnow.com.br 


Posts mais lidos da semana
Para acessar copie o título na caixa de pesquisa acima.
MARINA DA GLÓRIA: AUDIÊNCIA PÚBLICA – 02/04/2013

SEMANA SANTA, SEMPRE EM PETRÓPOLIS

MAIS MARINA: A PROPAGANDA QUE ENGANA
O TRAMBOLHO NA LAGOA

MAIS MARINA – PORTAL VITRUVIUS DIVULGA ABAIXO-ASSINADO

VENDO O RIO – Poeminha da Especulação Imobiliária

[...] Leia mais