Artigo: GRANDES OBRAS DE MOBILIDADE NO RIO SEM PLANEJAMENTO, de Sonia Rabello

Ilustração – Afonso Carlos / CZN obtida em Motor Dream Uol A Mobilidade Urbana continua na “ordem do dia”, ao menos na grande imprensa e nas promessas dos gestores públicos. Enquanto isso, a prática vem sendo outra, como demonstrou Reclamilda, engarrafada no Metrô justamente no dia de São Sebastião do Rio de Janeiro! Crônicas e críticas bem humoradas à parte, o sério artigo de Sonia Rabello publicado originalmente em seu site no último dia 26 – reproduzido a seguir – nos informa sobre decisões tomadas de forma isolada, isto é, as obras “feitas sem que o Plano de Mobilidade da Cidade, ou mesmo da Região Metropolitana, estivesse pronto e publicado”. A visão da jurista nos faz perguntar inevitavelmente o que a empresa que será contratada para elaborar o “plano” fará, por exemplo, diante das transtudocom suas pontes estaiadas caríssimas (e(Leia mais)

RECLAMILDA E SÃO SEBASTIÃO – O METRÔ, A IMOBILIDADE, E A BARCA DA CANTAREIRA

CrôniCaRiocaVinte de janeiro, Dia de São Sebastião,santo padroeiro da Cidade do Rio de Janeiro. São Sebastião, por Marco Palmezzano.Wikipedia Estou eu aqui de novo nesse Metrô, perdida em pensamentos enquanto o trem não anda… Sim, trem de Metrô, não trem daquele que já foi do D. Pedro e da Imperatriz Leopoldina, anda nos trilhos em cima da terra. Estou no outro, o vagão que anda por baixo da cidade igual minhoca, dizem que é “transporte de massa”. Deve ser mesmo porque estou aqui toda amassada, o ar-condicionado quebrou e a minhoca não anda. Ai, que calor! E nem encontro Elogilda para papear e me distrair as ideias! Pois é, está paradinho aqui no túnel, não é na estação, não! O alto-falante avisou que tem que esperar desafogar o trânsito lá na frente… Não, não é ônibus, meu São Sebastião, é trem(Leia mais)

Artigo – A QUE SERVE O BRT?, de Ex-Blog

A análise abaixo foi publicada originalmente na Newsletter Ex-Blog  de 17/12/2014. O tema Mobilidade Urbana tem estado presente há tempos em discussões de especialistas, seminários, nas páginas da mídia impressa e virtual, mas, principalmente, ao vivo, todos os dias e todas as horas na Cidade do Rio de Janeiro, problema sentido pela população indistintamente, seja na que usa o transporte público – ônibus, trens, Metrô – ou na que se locomove de carro – particular, táxis, vans – com evidente desvantagem para o primeiro grupo. No artigo, considerações sobre a opção adotada recentemente na urbe carioca, que descartou, por exemplo, a Linha 6 Metrô, conforme projetos antigos para esse modal. Boa leitura. Urbe CaRioca A QUE SERVE O BRT? Ex- Blog do Cesar Maia            1. O governo federal tem priorizado e se associado aos investimentos de prefeituras nos BRTs(Leia mais)

ÁREA DE ESPECIAL INTERESSE URBANÍSTICO A.E.I.U. TRANSCARIOCA – GABARITOS, ETC.

DEPOIS DA PENHA, MAIS GABARITOS NOVOS NA ZONA NORTE. O tema já foi mencionado neste blog, em julho último, na postagem SEMPRE O GABARITO, 2014 – item Gabaritos novos e mais altos ao longo da Transcarioca e em PENHA: PARQUE ARI BARROSO AMEAÇADO, de janeiro/2014. O Projeto de Lei Complementar nº 77/2014 está em tramitação na Câmara de Vereadores. Abrange vários bairros por onde passará a avenida hoje chamada Transcarioca, que ligará a Barra da Tijuca (Terminal Alvorada) à Penha (Fase 1) e esta ao Aeroporto Internacional do Galeão (Fase 2), e que inclui os corredores de tráfego para o Bus Rapid Transit – BRT. Conforme ementa, o PLC “Institui a Área de Especial Interesse Urbanístico Transcarioca, estabelece diretrizes e incentivos para a reestruturação urbana de sua área de abrangência, define normas de aplicação de instrumentos de gestão do uso(Leia mais)

PORTO MARAVILHA SEM PERIMETRAL/METRÔ/TÚNEIS/VLT e COM ENGARRAFAMENTO

Com documentários do Instituto FavelArte uol Do ponto de vista estético e de qualidade da paisagem carioca não há dúvidas de que o Elevado da Perimetral deveria ter sido demolido – até mesmo independentemente do projeto chamado Porto Maravilha. Entre outros aspectos como o possível prejuízo à mobilidade urbana, dúvidas quanto à absorção do tráfego, pelas demais vias, dos fluxos viários eliminados, as relações custo x benefício, ser ou não prioritário entre as muitas ações governamentais de que o Rio precisa envolveriam a análise técnica de especialistas e alguma subjetividade, este fator sempre presente em determinadas decisões políticas. Jornal do Brasil on lineSe era o momento adequado, será umaeterna indagação. Decidido está. A luz dosol retornará. Tomara que as árvoresvoltem. E cresçam rapidamente.Urbe CaRioca Vários desses aspectos foram questionados ao longo do processo que levou à demolição do viaduto, o que não mais cabe: o desaparecimento da(Leia mais)

Artigo – VIDA CARIOCA N° 13: UM DIA NA CENTRAL DO BRASIL DOS ANOS 50, de Eduardo Cotrim

Em tempos de pouca mobilidade e muita imobilidade urbanas o arquiteto nos transporta do século XX para o século XXI através de considerações sobre um documentário dos anos 1950 que trata do sistema de trens suburbanos em terras cariocas, e a situação atual. Para saber como era, se mudou em relação aos nossos dias e de que modo, não deixe de ler o artigo e ver o filme. Fica aqui uma pista, nas palavras de Cotrim: “…de lá para cá, passados 21 presidentes e 27 governadores, as angústias e revoltas sobre os trilhos não devem parecer tão estranhas em 2014”. Boa leitura. Urbe CaRioca Vida Carioca n° 13: um dia na Central do Brasil dos anos 50 Eduardo Cotrim O vídeo com ares de cinema de L. Rozemberg, divulgado na internet pelo fórum Trilhos do Rio, traz a nostalgia da palavra FIM no término(Leia mais)

Artigo: O PORQUÊ DO NOSSO METRÔ, de Miguel Gonzalez

O artigo UM PROJETO REAL E VIÁVEL PARA O METRÔ DO RIO, de Miguel Gonzalez, foi publicado neste blog em 27/06/2012 e é, até hoje, um dos mais lidos. Em 01/03/2014, dia em que a Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro completou 449 anos de sua fundação, o responsável pelo Blog Metrô do Rio (não oficial) – valiosa fonte de análises e informações, onde, nas suas palavras, “Tentamos contar a história e traçar os rumos do futuro Metrô do Rio de Janeiro” – publicou o artigo que dá título a este post, uma visão clara e precisa que explica o que deveria ter sido construído e não saiu do papel.  Segundo Miguel “No ano olímpico o metrô do Rio de Janeiro será uma grande tripa, pois a Linha 2 desemboca na Linha 1 que seguirá em reta para(Leia mais)

DEBATE NO IAB-RJ: VOZES DE GUARATIBA

Igreja Matriz Salvador do Mundo – Ilha de GuaratibaConstruída em meados do século XVIII, por padres carmelitas, ainda guarda suas características.Foi fundada pelo marquês de Valença em um monte de onde se tinha toda uma vista do litoral,feita nesse local estrategicamente para se preservar dos ataques francês naquela época. Fonte: Wikirio O debate sobre ‘os riscos da plena ocupação da região de Guaratiba’ – que além do bairro de mesmo nome engloba ainda os bairros IIha de Guaratiba e Pedra de Guaratiba – realizado ontem no Instituto de Arquitetos do Brasil – RJ foi um desdobramento do relatório entregue ao Prefeito do Rio de Janeiro dezembro passado, elaborado a seu pedido, após o alagamento do Campus Fidei em julho/2013. O relatório, fruto de reuniões internas realizadas pela instituição, foi divulgado no site do IAB-RJ, e também por este blog em GUARATIBA:(Leia mais)