ESPAÇO DE PEDESTRES SOBRE TEMPO DE VEÍCULOS, de Eduardo Cotrim Guimarães

                                           O Transporte dos Cariocas      Internet – Youtube – Indicação: Acervo Jean Manzon Eduardo Cotrim é colaborador deste blog e tem nos brindado com vários artigos, dos quais VIDA CARIOCA N° 13: UM DIA NA CENTRAL DO BRASIL DOS ANOS 50 e RIO DE JANEIRO, BÚSSOLA, TERRITÓRIO E PROJETO tiveram grande repercussão. Desta vez o autor apresenta de forma peculiar a difícil relação entre pedestres e veículos nas ruas da Cidade Maravilhosa. Esperamos que a crítica construtiva colabore para que as condições do trânsito no Rio de Janeiro fiquem melhores e, acima de tudo, que haja mais conscientização por parte dos motoristas e respeito pelos pedestres. Nota: Os filmes selecionados por Cotrim mostram que os problemas com a mobilidade(Leia mais)

METRÔ, LINHA 2 – UMA VISITA À ESTAÇÃO CARIOCA

Como já amplamente divulgado, a Estação CaRioca do metrô do Rio de Janeiro – pertencente à Linha 1 –  foi construída em dois níveis de modo a receber os trens da Linha 2, cujo trecho a partir da Estação Praça Onze em direção à Praça XV de Novembro não foi executado. Visita à Estação Carioca – A segunda plataforma. Foto: Aguardando Liberação do Tráfego à Frente, 13/11/2015 Visita à Estação Carioca – A segunda plataforma. Foto: Aguardando Liberação do Tráfego à Frente, 13/11/2015. O assunto foi apresentado neste blog pela reprodução de dois artigos de Miguel Gonzalez – ENTENDENDO A ESTAÇÃO CARIOCA – PARTE I (out.2012) e ENTENDENDO A ESTAÇÃO CARIOCA – PARTE 2 (jul.2013), autor também de um dos posts mais lidos no blog desde a sua criação até hoje: UM PROJETO REAL E VIÁVEL PARA O METRÔ DO RIO (jun.2012).(Leia mais)

CONSTITUIÇÃO, A DOS PÉS-DE-MOLEQUE, EM ‘PROSPECÇÕES CASUAIS’ de Eduardo Cotrim

CroniCaRioca Rua da Constituição, Centro, Rio de Janeiro, em 1920.Foto: Malta O abaixo-assinado que pede às autoridades a preservação do calçamento com pedras “pé-de-moleque” encontrado na Rua da Constituição durante as obras para instalação dos trilhos do Veículo Leve sobre Trilhos, o VLT, continua a receber adesões. Igualmente os artigos e análises postados neste blog têm tido ótima repercussão. A lista abaixo inclui assuntos correlatos sobre a Rua Primeiro de Março e a Praça XV de Novembro. O PASSADO RESSURGE NO CAMINHO DO VLT, de Marcus Alves PÉS-DE-MOLEQUE AGORA NA PRAÇA XV RIO BRANCO x PRIMEIRO DE MARÇO – DOMINGOS NA URBE CARIOCA RUA DA CONSTITUIÇÃO, PÉ-DE-MOLEQUE SOBRE PÉ-DE-MOLEQUE PÉS-DE-MOLEQUE DO RIO ANTIGO – PASSADO REVIVIDO, RIO A PRESERVAR PÉS-DE-MOLEQUE: VISÃO DE PAULO CLARINDO E OLÍNIO COELHO, E UM ABAIXO-ASSINADO PELO RIO DE JANEIRO Curiosa coincidência a descoberta ter ocorrido(Leia mais)

LINHA 2 DO METRÔ – NOTÍCIAS E ARTIGO

A conclusão da Linha 2 do Metrô – construção do trecho Estácio-Carioca e ampliação até Praça XV/Barcas – foi assunto de várias postagens neste Urbe CaRioca, sendo inclusive mencionada em artigos de Miguel Gonzalez, responsável pelo blog METRÔ DO RIO, fonte imprescindível de análises e informações sobre este modal que já foi eficiente e confortável, infelizmente não mais, exceto fora dos horários de pique. Também publicamos artigo do grupo METRÔ QUE O RIO PRECISA, administrado por Atilio Flegner. UM PROJETO REAL E VIÁVEL PARA O METRÔ DO RIO, por Miguel Gonzalez – jun.2012 ENTENDENDO A ESTAÇÃO CARIOCA – PARTE I, por Miguel Gonzalez – out.2012 ENTENDENDO A ESTAÇÃO CARIOCA – PARTE 2, de Miguel Gonzalez – jul.2013 O METRÔ QUE O RIO PRECISA – O QUE ESPERAR APÓS AS OLIMPÍADAS – ago.2015   Tendo em vista notícia recente de que(Leia mais)

RUA DA CONSTITUIÇÃO, PÉ-DE-MOLEQUE SOBRE PÉ-DE-MOLEQUE

Rua da Constituição, Centro, sexta-feira, dia 25/09/2015Foto: Marconi Andrade Com base em notícias divulgadas por membros do S.O.S. Patrimônio – grupo social que tem realizado inúmeras ações em defesa do patrimônio cultural da Cidade do Rio de Janeiro e de outros municípios do Estado do Rio, além de divulgar iniciativas exitosas em diversas cidades brasileiras – pudemos publicar o artigo O PASSADO RESSURGE NO CAMINHO DO VLT, de Marcus Alves no dia 10/08/2015, que relatou a descoberta de antigo piso de pedras na Rua da Constituição, no Centro do Rio. O texto teve  repercussão e alcance surpreendentes. Em seguida, no dia 28 do mesmo mês, foi a vez de PÉS-DE-MOLEQUE AGORA NA PRAÇA XV, após depoimento de professoras do DHT – Departamento de História e Teoria da UFRJ Niuxa Drago, Maria Clara Amado, Helenita Bueno, Silvana Nicolli e Juliana Guerra que visitaram(Leia mais)

CLUBE FLAMENGO – ARENA ESTÁ A CAMINHO

O post CLUBE FLAMENGO – A ARENA DESTRAVADA foi publicado neste blog em 29/07/2015. Não houve retorno às questões sugeridas no final do artigo: Resta saber se hoje o Rio de Janeiro comporta, em meio a um nó de trânsito, o que pleiteia o clube da Nação Rubro-Negra. Espera-se que instituições afins analisem o assunto, e que a Prefeitura informe ao público as bases para sua decisão. OG, 01/10/2014Segundo a notícia parceria com rede de lanchonete vai viabilizar o projeto  Nem a grande imprensa nem as instituições ligadas à arquitetura, urbanismo, engenharia de transportes, supostamente interessadas no tema, se manifestaram. Entretanto, no último dia 04 o site Falando de Flamengo noticiou que o ‘Flamengo deve começar as obras da Arena este ano’ e que a ‘Aprovação por parte da CET-Rio era a única que faltava depois que o Instituto do Patrimônio Histórico(Leia mais)

RIO BRANCO x PRIMEIRO DE MARÇO – DOMINGOS NA URBE CARIOCA

RUA DIREITA, A PRINCIPAL RUA DO RIO COLONIALRua Direita do Rio de Janeiro em aquarela de Thomas Ender. ACG01828. BANDEIRA, Júlio; WAGNER, Robert. Viagem ao Brasil nas aquarelas de Thomas Ender: 1817-1818. Petrópolis: Kappa Editorial, t.2, p. 405. Imagem e legenda reproduzidas do blog Rio 450.  Notícia publicada ontem no jornal O Globo informou que no próximo 06 de setembro a Praça Mauá, que integra as obras de reurbanização da Zona Portuária, será reinaugurada, e a Avenida Rio Branco ficará fechada para veículos todos os domingos. Segundo a reportagem o Prefeito do Rio pretende “transformar a via num grande corredor cultural, por onde os pedestres poderão circular e conhecer melhor o patrimônio histórico da cidade”. Projeto Porto Maravilha A escolha da Avenida idealizada por Pereira Passos e inaugurada em 07/09/1904 leva a algumas questões. Por exemplo: o Veículo Leve sobre Trilhos(Leia mais)

O METRÔ QUE O RIO PRECISA – O QUE ESPERAR APÓS AS OLIMPÍADAS

O movimento O METRÔ QUE O RIO PRECISA defendeu a construção da Linha 4 original com trajeto pelos bairros de Laranjeiras, Botafogo, Humaitá, Jardim Botânico e Gávea, e, a partir desta estação em direção à Barra da Tijuca, ao invés da simples extensão da Linha 1, ou, a “falsa Linha 4” como divulgamos em diversas postagens neste blog. A página do grupo na rede social Facebook publica análises sobre este modal tão importante e necessário para a Cidade do Rio de Janeiro e Região Metropolitana. Reproduzimos a seguir texto divulgado no último dia 17/08, antevisão detalhada sobre o funcionamento do Metrô carioca na “Era pós-Olimpíadas”. Boa leitura. Urbe CaRioca Metrô que o Rio Precisa O METRÔ QUE O RIO PRECISA – O QUE ESPERAR APÓS AS OLIMPÍADAS Para 2016 não esperamos muitas novidades significativas no Metrô do Rio. De fato, chegar(Leia mais)