COMPLEXO PAINEIRAS, O ELEFANTE SUBIU O MORRO

Bem no meio da imagem, à frente do trem, o Hotel Paineiras na década de 1910. Disponível em: http://www.fotolog.com.br/tumminelli/8602242Imagem: Blog Rio Cidade “Sportiva” O “Elefante que estava a caminho da Marina da Glória“*encontrou novo rumo morro acima, ou, melhor, vive acima: do Parque à beira-mar seguiu para o Parque Nacional da Tijuca, pulmão da Cidade do Rio de Janeiro, em direção à Estrada das Paineiras. Literalmente da savana à floresta.  Mais uma vez procura lugar tombado e protegido pela legislação de Meio Ambiente, tal qual o caso da Área de Proteção Ambiental de Marapendi transformada em Campo de Golfe, e da citada Marina. O Globo Figuras de linguagem à parte, outra vez surge um Centro de Convenções, agora na mata e para 400 pessoas.  O projeto arquitetônico objeto de concurso nacional, pode ser conhecido neste link: com mais de 20.000 metros(Leia mais)

METRÔ: O VAI E VEM DA ESTAÇÃO GÁVEA E A LINHA 4

Sabe-se que a propagandeada Linha 4 do Metrô que o governo do Estado diz executar não é a verdadeira. A Linha 4 está no papel.  Projetada, ligará Botafogo à Barra da Tijuca através dos bairros do Humaitá e Jardim Botânico até encontrar a Estação Gávea para daí seguir em direção à Barra/Zona Oeste. O trecho Ipanema (Estação General Osório)-Leblon-Gávea pertence à Linha 1, prevista para ser circular unida à Tijuca (Estação Uruguai) pela ligação deste bairro também à Gávea, em túnel por baixo do Maciço da Tijuca. Portanto o que está sendo feito no momento da Linha 4 é apenas o trecho Gávea-Barra (Estação Jardim Oceânico). Quando a polêmica foi instalada, associações de bairros, especialistas em transportes e algumas poucas instituições – o CREA, por exemplo – defenderam o traçado original do metrô para a Barra da Tijuca. De nada(Leia mais)

VOU DEMOLIR! HUMMM.. REFLETI… NÃO VOU DEMOLIR…

“Uma piscina linda, cheia de história, de vida e que marcou a carreira de muitos de nós. Imagens que ficarão guardadas para sempre em nossa memória e registradas aqui na Best Swimming.”Fonte: www.bestswimming.com.br Antigo Museu do Índio, Parque Aquático Júlio Delamare, Estádio de Atletismo Célio de Barros, Escola Municipal Friedenreich, um dominó ao contrário: as decisões sobre a destruição desses prédios públicos, afirmadas e reafirmadas com veemência, foram modificadas uma a uma. Para o bem, tudo indica. Quanto à Escola Municipal outra notícia dá conta de que lá seriam construídas quadras de aquecimento e que, sem elas, o Maracãnazinho não poderá receber as competições de vôlei. Solução haverá… Ouso dizer que as idas e vindas sobre as demolições dos equipamentos urbanos públicos citados não foram apenas fruto de reflexões ou para atender aos pedidos da sociedade civil manifestados ao ar(Leia mais)

SEMANA 29/07/2013 a 02/08/2013 – “BRAINSTORM”, MÊS DE JULHO, E O LAMAÇAL

“O vergonhoso Plano Frank ao menos guarda coerência com a história recente de atenção às áreas sujeitas à proteção – o que foi descartado no já mencionado caso do famigerado Campo de Golfe e no PEU Vargens”. Trecho de GUARATIBA: DE ZONA RURAL A LAMAÇAL – Parte 1 Internet Publicações da semana que passou e textos mais lidos. Os posts imediatamente anteriores; O “BRAINSTORM” DO ALCAIDE que fez, e ainda faz – o maior sucesso; e o resumo do mês de Julho, quando os brasileiros foram às ruas e o Papa Francisco conquistou milhares. O lamaçal no Campo da Fé deixou a CrôniCaRioca para mais adiante. A análise feita em GUARATIBA: DE ZONA RURAL A LAMAÇAL – Parte 1 não deixa de ser uma crônica sobre mais desmandos legislativo-urbano-cariocas que a chuva e a Jornada Mundial da Juventude fizeram aflorar. Nota:Curiosamente o texto ANTIGA(Leia mais)

O “BRAINSTORM” DO ALCAIDE

‘GUARATIBA, E AGORA, QUE O PAPA FOI EMBORA?’ Internet  Este seria o título de nova análise sobre o bairro para onde o Rio se expande como já foi explicado neste blog emA CIDADE CRESCE PARA… GUARATIBA. Os últimos acontecimentos que culminaram com a transferência dos eventos finais da Jornada Mundial da Juventude da Zona Oeste para a Praia de Copacabana e o impressionante anúncio da Prefeitura feito em primeiro lugar pela voz dos religiosos inspiraram o ‘poeminha’ abaixo, que pretende abrir série sobre mais um desmando legislativo-urbano carioca. Um passarinho que contou como, na cabeça do alcaide, tudo se passou. Blog Urbe CaRioca Guaratiba, Campo da Fé, Julho 2013Imagem: Conexão Jornalismo O BRAINSTORM DO ALCAIDE Andréa Albuquerque G. Redondo “Chove chuva, chove sem parar”!* E a lama? E a lama? Diz o Tom que só em março “É a lama,(Leia mais)

SEMANA 22/07/2013 a 26/07/2013 – MARINA DA GLÓRIA, CIDADE INFORMAL, E O PAPA NO RIO

Na Jornada Mundial da Juventude o Papa Francisco, sem ouro ou prata, arrebatou brasileiros e estrangeiros de todas as idades. “A chuva escondeu o azul do céu do Rio, fez o mar cinza-chumbo,  maltratou os peregrinos, e fez mais. Transformou o Campus Fidei em um lamaçal  e expôs a fragilidade ambiental de Guaratiba.” Trecho de O PAPA NA URBE CARIOCA Jornada Mundial da Juventude, 2013. Praia de CopacabanaFoto: Notícias r7 Publicações da semana que passou e textos mais lidos. Os posts imediatamente anteriores; o artigo de Sonia Rabelo sobre os novos perigos que rondam a Marina da Glória com links de textos do blog que esclarecem o assunto; uma análise sobre as diferenças entre a dita ‘cidade formal’ e as comunidades, sob o ponto de vista da atuação dos órgãos municipais e dos empreendedores da construção civil. A CrôniCaRioca passeia(Leia mais)

O PAPA NA URBE CARIOCA

CrôniCaRioca Andréa Albuquerque G. Redondo Papa FranciscoInternet Católico, ateu, agnóstico, outra religião, tanto faz. Impossível é deixar de emocionar-se ou, ao menos, impressionar-se com a comoção causada pela visita do Papa Francisco ao Rio de Janeiro para a Jornada Mundial da Juventude, que acontece aqui graças a Bento XVI, devemos lembrar. Problemas, falhas? Sim, muitos, visíveis todos os dias. Os naturais transtornos para quem vive Réveillons e Carnaval eram esperados. Trânsito caótico, falta de segurança, falta de transporte e engarrafamentos que no Rio são crônicos, pioram…. Pane no Metrô e horas para conseguir o kit-peregrino são inadmissíveis. Emoção e alegria? Sim, em profusão. A cidade fervilha com a juventude colorida e alegre. O Pontífice com poucos meses de pontificado irradia simpatia e carisma. Só inspira bons sentimentos. O Papa argentino é Pop. Querem tocá-lo, abraçá-lo, receber uma bênção, atiram bilhetes(Leia mais)

Artigo: PREFEITO DO RIO PRETENDE DEFINIR PARÂMETROS EDILÍCIOS PARA PARQUE PÚBLICO! , de Sonia Rabello

Internet NÃO ENTENDERAM. Foi o título do artigo do jornalista Merval Pereira publicado no jornal O Globo no dia 04 último. Na mesma data Everardo Maciel nos brindou com artigo O ESTADO NÃO ENTENDEU AS RUAS, publicado no Blog do Noblat. Aos dois textos – excelentes e claros – somamos o da jurista e professora de Sonia Rabello que, diante da publicação do Decreto nº 37354 de 02/07/2013 (DOM 03/07/2013), afirma que “… é de elementar compreensão que uma comissão não pode definir parâmetros edilícios e paisagísticos, nem de uso e ocupação para um parque público, indivisível e juridicamente afetado ao uso comum do povo!”, e que “O Parque do Flamengo, e sua área Marina da Glória, não é um empreendimento. É um parque público. Será que é tão difícil entender essa situação jurídica e pública?”, entre outras considerações. Ou há(Leia mais)