O MÊS NO URBE CARIOCA – DEZEMBRO 2016

  O mês de DEZEMBRO/2016, no blog, teve início com os primeiros pedidos ao prefeito recém-eleito para governar a Cidade do Rio de Janeiro, série que continuaria em janeiro/2017, já com o novo alcaide empossado. O Campo de Golfe inaceitável voltou à pauta, com a esperança de que a nova administração resgate o Parque Municipal Ecológico Marapendi e obrigue o proprietário dos condomínios ‘Riserva’, na Barra da Tijuca, a construir o trecho da Avenida Prefeito Dulcídio Cardoso eliminado pela gestão anterior. O Passeio Público esteve lindo, mas, outra chuva torrencial fez com que o esgoto misturado às águas pluviais o inundasse de novo. As grades na Orla Conde causaram polêmica, bem como uma estranha Medida Provisória do governo federal que pretende uniformizar a regularização de imóveis construídos sem licença em todo o país, garantindo ainda o direito à ampliação vertical.(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – OUTUBRO 2016

Coluna Gente Boa, Jornal O Globo, 22/01/2017 O mês de OUTUBRO começou no blog com uma CrônicaRioca em dois capítulos, uma estória com final feliz, porque também as há no Rio de Janeiro. As esperanças de que o Cinema Leblon fosse preservado, terminaram. As obras de demolição começaram. Restará a fachada emoldurada por um prédio comercial, uma das inúmeras benesses urbanísticas providenciadas pela gestão municipal anterior, após um incompreensível destombamento e a liberação de – sempre ele – o gabarito de altura – para a realização do empreendimento imobiliário no valorizado bairro do Leblon. Hortas urbanas, que podem ser uma excelente iniciativa, surgiram em locais inadequados. Em outubro, foi na Lapa, Centro do Rio, perto dos famosos Arcos da Lapa, monumento histórico protegido pelo instituto do tombamento. Ainda nesse quesito, o Palacete São Cornélio, na Glória/Catete, continua caindo aos pedaços.(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – SETEMBRO 2016

Linha 4 Original O mês de SETEMBROcomeçou no blog sem pedidos aos candidatos à Prefeitura do Rio. Depois das eleições, entretanto, já fizemos vários. Estão nas postagens de dezembro. Um dos recordistas de acesso foi METRÔ – O QUE A ESTAÇÃO GÁVEA DISSE PARA A ESTAÇÃO CARIOCA? o que, mais uma vez, demonstra a insatisfação do carioca com o transporte público na cidade. A polêmica sobre a construção de uma Arena Multiuso no terreno utilizado pelo Clube Flamengo continuou, e a obra foi autorizada. A Escola Municipal Friedenreich seria demolida por ato do prefeito do Rio para beneficiar o consórcio de empreendedores então candidato a remodelar e gerir o Maracanã, conforme pretendido pelo governo estadual. Mas, foi mantida após manifestações contrárias da população: governador e prefeito desistiram da empreitada, felizmente. A escola recebeu a melhor nota da rede municipal no(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – AGOSTO 2016

Desenho: Urbe CaRioca Durante o mês de AGOSTO no blog tivemos postagens recordistas e grandes emoções. O Campo de Golfe dito olímpico frequenta estas páginas virtuais desde o final de 2012 e parece delas não querer sair! Em agosto os comentários foram muito além de capivaras e tacadas. O Clube Flamengo voltou à berlinda. Aproximando-se o dia da concessão da licença de obras – que aconteceria em dezembro conforme já divulgado – teve início outra polêmica, dessa vez sobre o corte de árvores antigas que ficam dentro do terreno do clube. A abertura das Olimpíadas, amemo-las ou não, foi linda, mas o período trouxe também muitos trambolhos para a paisagem urbana carioca, inclusive no prédio abandonado justamente do Clube Flamengo, no bairro de mesmo nome! A maioria foi retirada, mas alguns parecem eternos: por exemplo, a estrutura gigantesca montada nas(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – JULHO 2016

LINHA 2 – DIAGRAMA: Atílio Flegner Dos assuntos tratados no mês de JULHO/2016 vários continuam atuais. O Metrô do Rio é tema que, parece, jamais sairá da pauta. Agora, com o Estado do Rio de Janeiro oficialmente “quebrado” e um pacote de remédios amargos que querem corrigir desmandos e gastos excessivos também à custa de reduzir o salário dos servidores, o sonho de concluir as estações GÁVEA, CRUZ VERMELHA, SÃO JOÃO E CARIOCA, como descrito no artigo de Miguel Gonzalezfica cada vez mais distante. Será que Linha 1 esticada, batizada erroneamente de Linha 4, obra muitíssimo mais cara do que o projeto original, contribuiu para que o Estado fosse à bancarrota? As dívidas contraídas com os Jogos Olímpicos e Paralímpicos já aparecem, muito embora os gestores públicos houvessem alardeado que as finanças da Prefeitura iam muito bem, obrigado. Até o(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – JUNHO 2016

A Vila dos Atletas – ou Condomínio Ilha Pura, a Zona Portuária do Rio de Janeiro, os problemas sobre a Mobilidade Urbana, hotéis ditos “olímpicos”, Região das Vargens, e o Jardim Zoológico, foram alguns assuntos abordados pelo blog em JUNHO passado. Além da Ilha Pura, que Nem é Ilha Nem é Pura, a entrevista de Atilio Flegner ao blog Metrô do Rio, aqui reproduzida, e o post sobre luminárias antigas no SAARA (Centro do Rio de Janeiro) estiveram entre os mais lidos no período, e continuam a ser visualizados, como mostra a lista dos mais populares nos últimos 30 dias, hoje, na coluna à direita do blog. Boa leitura. Urbe CaRioca Autoria: Atilio Flegner    JUNHO 2016 O MP E AS GRANDES OBRAS NO RIO*, de Patrícia do Couto Villela ILHA PURA: NEM É ILHA NEM É PURA A ZONA(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – MAIO 2016

O mês de MAIO começou no blog justamente com um tema olímpico: o estranho caso do Velódromo e alguns comentários sobre os tão anunciados legados. Porque os haverá, sem dúvida. Infelizmente não todos os desejados nem vários prometidos. Hoje, porém, surgiu um legado espetacular! Rafaela Silva, moça de origem humilde que morou na Cidade de Deus, e hoje mora em Jacarepaguá, conquistou a primeira medalha de ouro para o Brasil, na modalidade Judô, prova de que com incentivo e determinação própria o esporte pode ser transformador. Parabéns a todos que ajudaram e incentivaram Rafaela a chegar até aqui, em especial a Flávio Canto e Mello que criou o Instituto Reação, técnicos e todos os profissionais que colaboraram para a ascensão de Rafaela e outras crianças e jovens carentes. Para Rafaela Silva! Voltando às postagens de Maio, ainda atuais, PEU Vargens,(Leia mais)

O MÊS NO URBE CARIOCA – MARÇO 2016

Freguesias do Rio de Janeiro Século XIXMapa cedido pela Professora Cleia Schiavo   Em MARÇO o blog fez uma ligeira pausa, Cleydson Garcia escreveu sobre a Fazenda Botafogo e reproduzimos ótimo artigo de Julia Michels. O Passeio Público esteve na berlinda. O caso do Campo de Golfe dito ‘olímpico’, assíduo frequentador destas páginas virtuais, voltou devido à sua inauguração, não obstante as inúmeras polêmicas causadas pela construção que eliminou parte de um parque ecológico e de uma importante avenida. Relembramos o finado Velódromo do Rio. E outros assuntos igualmente recorrentes foram mais uma vez comentados: METRÔ, VLT, HOTEL GLÓRIA, PAINEIRAS, ESTÁDIO DE REMO, e CLUBE FLAMENGO. Boa leitura. Urbe CaRioca     MARÇO 2016 CASO DA FAZENDA BOTAFOGO – CRIME AO PATRIMÔNIO HISTÓRICO, de Cleydson Garcia DESOCUPAÇÃO DO JARDIM BOTÂNICO – NOVOS CAPÍTULOS VELÓDROMO? SÓ NOS JOGOS OLÍMPICOS. PASSEIO PÚBLICO(Leia mais)