EXTRA, EXTRA! ITENS 34 e 35 das NOVAS PROMESSAS!

redebrasileira.com
Porque o Rio de Janeiro é a prioridade o Blog Urbe CaRioca, preparou um post para desejar boa sorte ao prefeito reeleito. No texto – agora adiado – planejava pedir que o prefeito não alimentasse tanto o blog com mais de + 20 Leis Urbanísticas nos próximos quatro anos.

Absolutamente estarrecido, este espaço vê-se na obrigação de reproduzir os itens 34 e 35 das novas promessas urbano-cariocas do Executivo – publicadas no Jornal O Globo de hoje, que só podem ser recebidas como uma enorme ironia:


34. NÃO ALTERAR OS PARÂMETROS URBANÍSTICOS DA CIDADE
35. NÃO PERMITIR AUMENTO DE GABARITO E CONSTRUÇÃO DE APART-HOTÉIS=&4=&
Se fosse verdade, significaria que nos últimos quatro anos o tema esgotou-se. Ou que mudará uma das suas principais linhas de atuação. Improvável.

Internet

Se for verdade, a primeira lei a ser rejeitada deve ser a Benesse Urbanística, aquela que beneficia um só contribuinte.


Se for verdade, a torre para o BNDES na antiga área non-aedificandi no que sobrou do Morro de Santo Antônio também desaparece; não aprovará os edifícios para militares no Forte do Leme.



Se for verdade, não criará gabaritos e usos novos em GUARATIBA!

Se for verdade, não criará gabaritos para as áreas dos quartéis que o governo do estado vai vender . Bem, para os próprios municipais, ruas, canteiros centrais e praças, já criou.

Se for verdade, poderá rever algumas das muitas leis que aprovou e revogá-las.

Se for verdade…


O blog deseja que todos os eleitos façam o melhor pelo bem do Rio e de sua população. Boa sorte!


Leia mais

BOTAFOGO: A PRAÇA CEIFADA ANTES DE NASCER

ou… BOTAFOGO: A PRAÇA E A RESOLUÇÃO
PROJETO APROVADO DE ALINHAMENTO
Rua São Clemente, Botafogo
Site Prefeitura

Em 03/7/2012 este Blog publicou VENDO O RIO, NO ESTADO – ESTUDO DE CASO: BOTAFOGO. O texto maior do que padrão usado neste tipo de espaço deveu-se às explicações sobre a origem das praças na cidade, várias nascidas de imposições legais ao construtor de conjuntos de edifícios ou loteamentos –  a divisão de um terreno grande em lotes menores.

As informações foram necessárias para facilitar o entendimento das decisões dos governos estadual e municipal, que, nos últimos quatro anos, colocaram à venda diversos terrenos, de sua propriedade – Próprios Estaduais e Municipais –  e logradouros púbicos – áreas de praças, canteiros de ruas, etc.


Depois das explicações técnicas, o texto analisou a situação do bairro de Botafogo, carente de espaços livres e praças, diante da possibilidade de venda do terreno que fica na esquina das ruas São Clemente e Real Grandeza, onde funciona um dos batalhões da PM. Propôs que a área fosse transformada em uma praça e mencionou dois outros terrenos também de esquina que poderiam ter o mesmo destino: neles funcionam um estacionamento particular – Ruas Voluntários da Pátria / Rua Conde de Irajá -, e um posto de gasolina*– Rua São Clemente / Rua da Matriz.



Praça Corumbá, em frente ao Morro Dona Marta,
vista do posto de gasolina que fica na
Rua São Clemente nº 307, Botafogo

Imagem: panoramio.com
Praça Corumbá, em frente ao Morro Dona Marta,
lado direito da Rua São Clemente
Imagem: panoramio.com

Mas, em 10/9/2012 o desenho da rua foi modificado, e eliminada a previsão de uma praça para o terreno do posto de gasolina.

A Resolução SMU 1057/2012** informa que o terreno é particular e, entre outras justificativas para a decisão, considera ‘a ausência de previsão de ações do poder público no sentido da aquisição das áreas necessárias à execução das praças projetadas’ e ‘a necessidade de revisão dos PAAs 8.157…diante das condições locais mostradas na planta aerofotogramétrica’, o que não justifica nem explica coisa alguma.


A construção da praça ter sido ignorada durante quatro décadas, não legitima o descarte dessa possibilidade: não em um dos lugares onde Botafogo respira, cercado de imóveis que integram o patrimônio cultural do Rio de Janeiro e, agora, ao que tudo indica, sem violência.


As Linhas Vermelha e Amarela foram construídas aproximadamente quatro décadas depois de propostas no Plano Doxiadis, década de 1960… Ainda bem que nenhum Secretário ou Prefeito cancelou os desenhos…

Por outro lado, dois imóveis – a Antiga Fábrica de Chocolates Bhering e o sobrado onde funciona a Gafieira Estudantina-, ambos com dívidas tributárias e também propriedades particulares, há pouco tempo foram  declarados de utilidade pública para fins de desapropriação, isto é, a Prefeitura pretende comprá-los.


É difícil compreender por que o terreno em frente à Favela Santa Marta deixa de receber a mesma consideração. A não ser que esteja a caminho o fechamento de mais um posto de gasolina que fica na Zona Sul da Cidade,  em área de grandes proporções. Ou, talvez seja fácil, se fizermos uma analogia com o terreno do Batalhão vizinho que, segundo consta, será vendido para a construção civil.


A SEMANA – 25/6/2012 a 30/6/2012

Semana em que o Rio de Janeiro tornou-se Patrimônio Mundial na categoria Paisagem Cultural Urbana, em um dia de domingo ensolarado, 1º de julho de 2012. Parabéns a todos que trabalharam para a conquista desse título durante 12 anos, desde a formação do primeiro Grupo de Trabalho. Urbe CaRioca




Lista as postagens da semana que passou
com os respectivos links.
CRISTO REDENTOR, ABENÇOE SEMPRE A NOSSA CIDADE
Foto: AAGR

=&2=&  
COLAGEM DA ARTISTA JOANA COCARELLI
www.memorialimpica.com

Segunda, 25/6/2102

=&3=& =&4=& =&5=&

[ A SEMANA – 11/6/2012 a 15/6/2012 ]

[ SEMPRE O GABARITO – BANCO CENTRAL, GAMBOA, ZONAPORTUÁRIA ]

[ VENDO O RIO – POEMINHA DA ESPECULAÇÃO IMOBILIÁRIA ]

[ NEM MAIS UMA TONINHA! ] NOTA: Legado da Rio +20 – Benesse Urbanística (para uma casa em Botafogo) e Torre para o BNDES (atrás do Santuário e Convento de Santo Antônio) ainda não foram aprovados pelos vereadores e Prefeito. Por enquanto. Para quem quiser conhecer, são projetos de lei complementar: PLC 67/2011 e PLC 31/2009, respectivamente. Obs: o plc 67 tem emendas afrontosas – propõem estender a benesse para toda a rua, de modo a justificá-la. O mesmo que permitir avanço de sinal a vários carros se um deles avançar primeiro. =&6=&

SOBRE A DEMOLIÇÃO DO ELEVADO DA PERIMETRAL =&8=&. =&9=&=&10=&

SUGESTÃO para EMPRESAS de BOTAFOGO E HUMAITÁ pós BENESSE URBANÍSTICA

Hoje entra na pauta da Câmara de vereadores, mais uma vez, o projeto de lei para aumentar =&0=& andar em =&1=& casa de =&1=& pessoa. O Urbe CaRioca já explicou no post =&4=& todas as implicações da proposta defendida como necessária (!) que pode até parecer inofensiva. Afinal, tão pequeno, em uma casinha…
MANSÃO NA ÍNDIA – REVISTA VANITY FAIR E CADERNO ELA ON LINE DO JORNAL O GLOBO

A imagem publicada hoje, coincidentemente, no Caderno Ela On Line do Jornal O Globo pode inspirar futuros pedidos de aumento de andares só para EMPRESAS – clínicas, hospitais, escolas, sedes administrativas, academias de ginástica – Leia mais

BOTAFOGO: Benesse urbanística a caminho

Em 01/11/2011, porque o Urbe CaRioca não existia, foi divulgado pelo Twitter e por outros meios da Web: Um pequeno e discreto projeto de lei complementar, se aprovado, abrirá precedente que poderá afetar os bairros do BOTAFOGO e HUMAITÁ. Será a porta aberta para liberar os gabaritos de prédios de empresas, desde 1983 limitados a 3(três) andares nesses dois bairros da IV RA.

Ontem o Projeto de Lei Complementar 67/2011 que “Autoriza a adoção de parâmetros especiais para implantação de centro cultural em Botafogo, IV RA”, foi aprovado na Câmara de Vereadores em Primeira Discussão. Deve ser sacramentado na próxima semana. É uma casa, bem preservado pela Área de Proteção do Ambiente Cultural de Botafogo, cujos proprietários querem fazer mais um andar.
Imagem: www.cidade-maravilhosa.webnode.com.br
O fato de pertencer à APAC gerou interpretação equivocada. O que impede o tal andar a mais não é a preservação do bem cultural e, sim, a Lei 434/1983 que, determina: ·        =&0=&