Guggenheim, Cidade da Música e Museu do Amanhã, um Postzitivo com ressalvas.

Em princípio, toda cidade gostaria de receber um projeto futurista do famoso arquiteto Santiago Calatrava.
Santiago Calatrava – Museu do Amanhã
Deixemos agora de lado custos e prioridades, aspectos sempre levantados no caso de obras de grande porte que não são escolas ou hospitais. Revitalização da Zona Portuária, tema interessante, construção sustentável, coberturas dinâmicas, grife e muita, muita divulgação. Se construído, mantido e usado, poderá, sim, vir a ser um novo ícone no Rio de Janeiro. E este um genuíno Post.zitivo, sobre ação governamental digna de elogios. Mas, cabe perguntar por que o Museu poderá ser feito agora e no Pier Mauá, alvo de tantas outras propostas mal sucedidas?
Jean Nouvel – Museu Guggenheim

Outro museu, voltado para as Artes Plásticas, foi planejado há alguns anos: também no Pier, também para dar impulso à revitalização da Zona Portuária, também um ícone na origem – o Museu Guggenheim – e projetado pelo não menos famoso arquiteto Jean Nouvel. Mas, o Guggenheim não foi adiante. Em meio a polêmicas e ações judiciais contrárias ao projeto, o plano foi vetado, embargado e o contrato com a Fundação Guggenheim suspenso. Justificado ou não, o que se sabe é que o Governo Federal -Companhia Docas – era dono do Pier e as ações foram impetradas pelos partidos da oposição ao Governo Municipal, o que por si bastaria para demonstrar que divergências políticas deram origem ao embargo.

Christian de Portzamparc – Cidade da Música

E assim nasceu a Cidade da Música, nova tentativa de dotar a cidade de um equipamento cultural de porte, em terra do município, sem depender da boa vontade de outras esferas políticas, com projeto do igualmente famoso arquiteto Christian de Portzamparc. Leia mais

PosT.zitivo

O Urbe Carioca pretende inaugurar o que chamará de Post.zitivo.

A postagem de um Pos=&1=&=&2=&

aparecerá quando os governos estadual e municipal fizerem alguma coisa genuinamente boa pela cidade, ou tenham feito recentemente. Em termos de legislação urbanística os últimos tempos têm sido desastrosos. Aumento de potencial construtivo indiscriminado pela cidade, e às vezes, discriminado sem justificativa. Leia mais

Decreto sobre Propaganda

Ontem a imprensa divulgou mais um assunto urbano-carioca de interesse: a retirada dos chamados (erroneamente) “outdoors”, sabe-se lá o porquê. Em inglês melhor seria “sign”. Mais adequado seria em português: anúncio, placa de propaganda… Semântica à parte, o Decreto nº35507 de 27/4/2012 foi publicado hoje. Merece análise cuidadosa e um post especial, mas desde já estranho a política do “Faça o que eu digo, mas não o que eu faço”, como sugere matéria. Esperamos que a faixa instalada na fachada do Centro Administrativo São Sebastião do Rio de Janeiro seja retirada. Leia mais

Mais Metrô 2

Este vídeo circulou na internet. Esperava-se não ser uma premonição sobre a Linha 1 espichada que criará O Metrô de uma Linha Só.

No entanto, comparem com o que ocorreu recentemente na Estação Thomáz Coelho, em vídeo divulgado no O Globo. O título da matéria é “Passageiros do Metrô viajam dentro de cabine do condutor” e está no Globo On Line de 10/4/2012. O link para ver o vídeo é
http://oglobo.globo.com/eu-reporter/passageiros-do-metro-rio-viajam-dentro-de-cabine-do-condutor-4607269 Leia mais